Procurando algo?

Gaminhão em plantação no pôr do sol

Conheça Los Almendros, nossa Fazenda Sustentável Knorr na Argentina

José Gámez, produtor da Knorr e proprietário da fazenda modelo Los Almendros, herdou de seus avós e pais o amor pela agricultura sustentável. Hoje é ele quem transmite seus conhecimentos para Nicolás, seu filho de 23 anos, lidando com a sustentabilidade como um valor e uma forma de trabalho em família.

Nascido em uma aldeia na Andaluzia, Espanha, em 1954, José Gámez acompanhava seus avós agricultores nas fazendas desde que era uma criança. Seu pai decidiu emigrar para a Argentina, onde viveu primeiro em Misiones, em seguida em Tucúman, para finalmente se estabelecer em Mendoza e trabalhar no campo. Os Gámez pertenciam a uma família muito pobre, razão pela qual José, o mais velho dos dois irmãos, decidiu ajudar seus pais em fazendas, tendo acabado apenas a escola primária. "Dessa forma eu comecei na agricultura, inicialmente um pouco pelo contexto, mas depois decidi que poderia fazer disso algo positivo. É uma questão de levar as coisas com entusiasmo e paixão ", diz José.

É essa paixão e esse entusiasmo que hoje ele passa para o filho Nicolás, que aos 23 anos está em seu quarto ano de agronomia. "Estou no apogeu como produtor, eu me tornei o que eu queria ser, e agora ele quer continuar", disse Gámez pai. Nicolás manifesta vocação desde a infância, quando, aos três anos, acompanhava seu pai em visitas às fazendas. Aos 14 anos, começou a lidar com o sistema de irrigação por gotejamento, que adotou em 2007 graças ao Código de Agricultura Sustentável da Knorr.

"Tudo isso foi surgindo para mim da agricultura. Agronomia é a vida natural, é a base da sociedade, é a comida. Boa comida é a base de uma boa vida", diz Nicolás, orgulhoso de seu ofício e de seu pai. "Eu também decidi por essa carreira porque tinha um bom exemplo em casa, já que meu pai é muito bom agricultor", afirma.

Quanto ao modelo de agricultura sustentável, pai e filho concordam que é a melhor maneira de crescer os seus legumes. "Eu aprendi com meu pai e era uma novidade. Ele está todos os dias vendo o que pode melhorar em questões de produtos de irrigação e sanitários para termos menos resíduos", diz Nicolás, acrescentando que esta forma de trabalhar permite um alimento com melhores característica, uma conquista que, segundo ele, não é menor, já que “um bom alimento leva uma melhor qualidade de vida para as pessoas”.

José e Nicolás também concordam que a única maneira de melhorar o processo de agricultura sustentável é estudando. Isso explica por que eles não perdem nenhuma capacitação apresentada pela Knorr, atividade que compartilham. "Às vezes eu não posso ir e ele vai", diz José, "mas tentamos sempre ir juntos." "Knorr, o sabor está em nossa natureza".